Depois daquela montanha [Crítica com Spoilers]

Baseado no romance de Charles Martin, Depois daquela montanha conta a história de Alex (Kate Winslet), uma jornalista e fotógrafa que divide um voo com Ben (Idris Elba), um neurocirurgião que precisa chegar à cidade para uma cirurgia de emergência. Após perderem o voo, o médico freta uma viagem particular para ambos. Após um inesperado acidente, os dois são deixados no meio do nada e começa uma luta pela sobrevivência.

Temos tudo que é necessário para um bom filme de drama que se preze. Uma paisagem absurdamente maravilhosa, um acidente comovente, desespero, um cachorro e a Kate Winslet. A abertura do longa é muito boa, os vinte primeiros minutos são fluídos e o roteiro é direto. A partir daí, temos um plot mais denso, condensado e que vai se desenrolando aos poucos. Isso acontece por intermédio da própria história. Devido ao acidente e ao fato personagens estarem isolados e perdidos, lutando para sobreviver, é compreensível que as coisas aconteçam mais lentamente.

Sou suspeito para falar da Kate Winslet, ela é uma das minhas atrizes preferidas. Gosto do trabalho corporal que ela desenvolve, a entrega em seus personagens, a forma de olhar e trabalhar a cena, tudo muito elaborado e natural. Aqui não é diferente. Ela se sente claramente confortável no papel, desenvolta e cativante. Idris Elba é um ator que venho acompanhando há algum tempo e também gosto da maneira como ele conduz as cenas, tem uma expressão forte, um charme particular e é indiscutivelmente talentoso.


Entrando finalmente na obra em si, temos uma fotografia estonteante, a locação é lindíssima e o branco da neve reluz na sala de cinema. Cheguei a ouvir comentários sobre algumas questões conflituosas e discutíveis na relação dos personagens. O nível de stress ao qual ambos são submetidos, a fome, a sede, o frio, o isolamento, a adrenalina, tudo coopera para que o despertar de novos sentimentos seja contestado. Eu, particularmente, vi que tudo aconteceu de forma bem mais sútil. Precisamos de muito pouco para nos apaixonar por uma pessoa, e é exatamente o que acontece.

Li em vários lugares que o filme poderia se encerrar quando Alex encontra ajuda. Não discordo totalmente, entretanto, havia pontas soltas que precisavam ser finalizadas dentro do roteiro. O noivado de Alex, o fim do luto de Ben, a coragem de ambos admitirem seus sentimentos. Depois daquela montanha não é perfeito, tem seus problemas de execução, as passagens de tempo são, algumas vezes, mal administradas e a edição falha nas mudanças de plano entre os personagens. Contudo, tem uma trilha sonora lindíssima, uma fotografia impecável e atuações que não deixam à desejar. Vale a pena ser visto no cinema!

PS: Esperem até o final, a música tema é linda! 

Baseado no romance de Charles Martin, Depois daquela montanha conta a história de Alex (Kate Winslet), uma jornalista e fotógrafa que divide um voo com Ben (Idris Elba), um neurocirurgião que precisa chegar à cidade para uma cirurgia de emergência. Após perderem o voo, o médico freta uma viagem particular para ambos. Após um inesperado …

Review Overview

Depois daquela montanha

User Rating: Be the first one !
70

About Pedro Mandella

Viciado em cinema desde criança, apaixonado por fotografia, café, arte, doces, frio e sextas feiras. Amante da literatura e do cinema francês.

One comment

  1. Qual o nome e quem canta a música no final do filme depois daquela montanha?

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*